Segundo LIRAa (Levantamento Rápido de Índice para Aedes aegypti) do ano tem índice de 6,1% sendo alto risco de infestaçã

 

Publicado em: 05/04/2021 09:26

Whatsapp

 

Segundo LIRAa (Levantamento Rápido de Índice para Aedes aegypti) do ano tem índice de 6,1% sendo alto risco de infestação do mosquito da dengue em Várzea da Palma

A equipe da Vigilância em Saúde da Prefeitura de Várzea da Palma realizou no mês de Março, o Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes aegypti, o resultado obteve o índice de 6,1%. Segundo informações de técnicos da Secretaria Municipal de Saúde, este índice é considerado de alto risco de proliferação, em relação ao percentual de 0 a 0,9% considerado ideal pelo Ministério da Saúde. A situação é preocupante no município apontando alto risco de infestação para o vetor da Dengue.

O município conta com o trabalho da equipe de endemias para vistoria nos imóveis da cidade, distritos e povoados. O horário de trabalho é de segunda a sexta, e também realiza diversas ações de educação em saúde. Os Agentes de Saúde todos são identificados com uniforme, bolsas da Prefeitura nas vistorias das residências, comércios, empresas e outros.

Os dados apurados no LIRAa indicam que a maior parte dos criadouros foram localizados nas residências, sendo os principais focos: lixo doméstico, vasos de plantas, bebedouros de animais, reservatórios de água, calhas, etc. Sendo assim, é de suma importância que os cidadãos façam uma constante fiscalização em suas propriedades a fim de eliminar esses criadouros.

Cuidados para evitar a Dengue:

• Retirar ou virar ao contrário os pratos de plantas. Outra alternativa é colocar areia grossa ou furar

• Vasos de plantas e flores com água: Retirar a água do vaso e colocar a planta em vaso com terra

• Recolher em saco plástico, tampinhas, latas e embalagens fechar bem e colocar no lixo

• Virar garrafas, baldes e vasos vazios e colocar em local protegido da chuva

• Lavar com esponja e sabão pelo menos duas vezes por semana os bebedouros de animais domésticos, como cachorros, galinhas e tartarugas

• Verificar as tampas das caixas d’água e trocar, se estiverem quebradas ou sem tampas, comunicar aos agentes de endemias para que eles possam tomar providencias necessárias

• Os ralos devem permanecer sempre desentupidos e sem pontos de acúmulo de água

• Desentupir calhas e limpar para a água correr livremente

• Colocar cloro na água das piscinas e mantê-las cobertas quando não estiver em uso

• Cobrir e colocar em local coberto ou colocar no lixo reciclável os entulhos de obras, prestando sempre atenção nas datas da coleta de lixo, para que esses lixos não fiquem expostos ao tempo.

• Evitar o uso de lonas plásticas em quintais e em cima das casas

• Não deixar pneus e peças velhas de automóveis expostos a chuva.